A medição individualizada de água como instrumento de redução do consumo em edifícios residenciais

Micaella Raíssa Falcão de Moura, Simone Rosa da Silva

Resumo


A industrialização e o crescimento demográfico, aliados ao mau uso da água potável, são alguns dos fatores que evidenciam um aumento significativo do consumo de água. Tal fato sugere uma procura urgente por alternativas que visem à redução de desperdícios, tendo em vista a carência de disponibilidades hídricas e a dificuldade de se encontrar novas reservas. A medição individualizada de água em apartamentos é uma das alternativas que contribui com a redução do desperdício domiciliar, além de ser uma questão de igualdade entre os condôminos. O sistema consiste na instalação de hidrômetros em cada apartamento do edifício, e facilita a identificação de vazamentos e rompimentos que podem existir no sistema hidráulico predial. A presente pesquisa busca realizar uma análise estatística dos dados e quantificação da redução do consumo de água após a adoção da medição individualizada. Para isso, foram selecionados dois prédios situados na cidade do Recife que sofreram transição do sistema global de medição para a individualização da água no ano de 2011.  A partir dos registros de consumo de água nos meses após a individualização, pôde-se observar a redução dos consumos e das contas de água nos dois edifícios estudados. Desta forma, concluiu-se que a implantação do sistema de medição individualizada nas edificações existentes possibilita que cada usuário tenha maior controle sobre seu consumo, o que induz a uma postura de uso racional da água.


Palavras-chave


Sustentabilidade; Uso racional da água; Conservação da água

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17271/2317860461520191562

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN Eletrônico: 2317-8604      Digital Object Identifier (DOI): 10.17271/23178604

Indexações:

          


ÍNDICE H (GOOGLE SCHOLAR):

Índice h5 = 4 

Mediana h5 = 4


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-ShareAlike 4.0 International License.